BRASIL, Sudeste, SOROCABA, Mulher, de 46 a 55 anos, Arte e cultura, Informática e Internet
Outro -

 

 
QUANDO VIER
ME VISITAR

Quando vier me visitar
Traga flores,
Muitas delas...
Porém,
não me traga
apenas flores:
Não se esqueça
de juntar a elas
A beleza do seu sorriso,
A ternura do seu olhar,
A força do seu abraço.
O calor dos seus beijos...

Quando vier me visitar,
Traga flores,
Muitas delas...
Mas não esqueça
de tirar-lhes
Os espinhos
que machucam,
As folhas envelhecidas,
Os galhos secos,
As dores embutidas...

Quando vier me visitar,
Traga flores,
Muitas delas...
Perfumadas, coloridas,
alegres:
Todas parecidas
com você!
Quando vier me visitar,
Traga você por inteiro...
As flores?
Nem sei se vai precisar!

Autora: Débora Bellentani

Visitem meu FOTOBLOG:
http://dbellentani.fotoblog.uol.com.br


"A vida é isso:
sonhar até que
um dia a realidade
aconteça."

"Cruel não é amar:
cruel é descobrir-se amado
quando se é tarde demais."

"Perdoar é olhar
para a cicatriz
e não se lembrar da dor."

"O que me impede
de ser livre?
Talvez as minhas
próprias correntes."


Entre em contato:

debora.bellentani@gmail.com



   

    FELIPE-MEU FILHO
  Paulo Marinho - Sohletras
  Reflexos da Alma
  Uma Loba - Blog da Maria
  MEU FOTOBLOG
  Chalés na Praia
  YOUTUBE


 

   

   

   


 
 
Escritora Caipira - Um dedo de prosa!



Adoro escrever.
Falo sobre tudo.
Conheço tanta coisa, tanta gente...
Quando penso que estou com 56 anos, quase não acredito!
Só preciso acabar com esta horrível sensação de que o tempo parou.
Na verdade, não tenho mais sonhos e nem planos.
Estou um pouco perdida nesta terra de Deus!
O que será que me faz feliz?
Preciso encontrar essa resposta para não enlouquecer.

 



Escrito por Débora Bellentani às 15h37
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]